Sindilat e Mapa apresentam resultados do Programa Mais Leite Saudável

Sindilat e Mapa apresentam resultados do Programa Mais Leite Saudável

terça-feira, 2 de maio de 2017

Rate this article:
No rating
 
Para esclarecer dúvidas e apresentar os relatórios do Programa Mais Leite Saudável, tanto por parte do Ministério da Agricultura (Mapa) quanto das indústrias de laticínios, uma reunião será realizada na quinta-feira (27/04), às 10h, no auditório da superintendência do Mapa no Rio Grande do Sul, em Porto Alegre. O encontro conta com o apoio do Sindicato das Indústrias dos Laticínios do RS (Sindilat), que convidará empresas do setor a participarem do encontro para relatar os resultados já obtidos com o programa. 
 
A iniciativa já beneficiou mais de 16 mil produtores. Até o momento, foram realizados testes de tuberculose e brucelose em animais de 3 mil propriedades, conforme adianta o auditor fiscal federal agropecuário do Mapa, Roberto Lucena. No total, já foram investidos R$ 30 milhões, recurso advindo de crédito de Pis/Cofins, em 50 projetos que envolvem ações para os produtores rurais em três áreas: melhoria da qualidade do leite, melhoramento genético e educação sanitária.
 
Lucena chama a atenção para a boa disponibilidade de recursos a serem investidos por meio do programa. Neste sentido, o técnico destaca que o momento de instabilidade econômica contrasta com as oportunidades oferecidas pelo projeto. “O que entendemos, no meio da crise, é que temos recursos volumosos para investimento no produtor rural e no fomento à qualidade do leite”, conclui, ressaltando a importância do engajamento das indústrias na iniciativa. 
 
O Programa Mais Leite Saudável trata dos créditos presumidos do Pis/Cofins para as empresas lácteas e cooperativas. Conforme o decreto n. 8.533 do Diário Oficial da União, a lei 13.137/2015 prevê a concessão de crédito presumido de 50% para os laticínios que apresentarem propostas de melhoria da qualidade do leite com investimento de 5% do benefício. 
 
 
Parcial do mês de março mostra nova alta de preços ao produtor
Dados parciais do MilkPoint Radar, atualizados até o dia 19 de abril, apontam para novo cenário de alta nos preços líquidos recebidos pelos produtores, considerando os participantes que inseriram seus dados nos últimos 2 meses.
 
Os dados parciais em sua média simples (ou seja, sem considerar o volume dos produtores), referentes ao pagamento de abril (com fornecimento de leite em março) apontam um preço líquido médio de R$1,4211/litro neste mês, de cerca de 5 centavos mais alto do que o de março, para os mesmos produtores.
 
Se ponderarmos este indicador pelo volume de leite por produtor, o preço médio recebido é de R$1,4984, cerca de 3 centavos acima do que o apontado por estes mesmos produtores em março (de R$1,4693). 
 
Até o momento, a alta nos preços está sendo sentida por todas as faixas de produção, com exceção da faixa entre 3.000 a 6.000 litros, que aponta queda de cerca de 1 centavo neste mês. Esta queda no indicador ainda tem relação com o fato de que uma parcela relevante de usuários com este perfil produtivo tenha contratos de remuneração com base em preços fixados com três meses de defasagem. 
 
É importante ressaltar que os efeitos destes tipos de contrato também podem ser sentidos na faixa de produção acima de 6.000 litros, conforme já apontado no resultado consolidado do mês de março. Contudo, o sistema contou com uma amostra mais abrangente desta categoria de produtores entre os dois últimos meses, o que culminou na diluição deste efeito entre os participantes desta faixa, que apresenta alta de cerca de 2 centavos em média.
 
Fonte:  Sindilat.

Number of views (69)/Comments (0)

Tags:

Please login or register to post comments.

Suínos

Bovínos

Frango/Ovo

Leite e Derivados

Carne e Derivados

Madeira Cavaco

Mercado Financeiro

Cotação (máx)
R$ 0,87
LeiteCru/SC *
R$ 0,89
LeiteCru/RS *
R$ 0,89
LeiteCru/GO *
R$ 0,91
LeiteCru/PR *
R$ 0,94
LeiteCru/MG *
R$ 0,96
LeiteCru/SP *
R$ 0,98
LeiteCru/BA *
R$ 57,25
Soja/PR
R$ 57,50
Soja/RS
R$ 60,00
Soja/SC
R$ 25,67
Milho/RS
R$ 25,83
Milho/PR
R$ 26,38
Milho/SC



Powered by BlueServer
O Leite é um veículo de propriedade do Grupo Agro.

Endereço: Bairro Santa Maria, Rua Curitiba, 727d. CEP 89812150. Chapecó - SC.

Telefone: (49) 3304 - 9240.